Acervo de Luiz Carlos Prestes está disponível na UFSCar para visitação gratuita até o dia 19 de outubro, na Biblioteca Comunitária da Universidade

Prestes

Anita Prestes inaugura linha do tempo de Luiz Carlos Prestes na BCo

Na última segunda-feira, dia 24 de setembro, a Biblioteca Comunitária (BCo) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) recebeu a professora Anita Leocádia Prestes, filha de Luiz Carlos Prestes – militar e político brasileiro que comandou a revolucionária marcha Coluna Prestes entre os anos de 1925 e 1927 – e de Olga Benário Prestes, para a inauguração de uma linha do tempo retratando a trajetória do político e para a abertura da exposição “Linha do tempo de Luiz Carlos Prestes… Fragmentos”, com 34 objetos que pertenceram a ele, cuja exibição pública é inédita. Os itens expostos são presentes recebidos por Prestes de familiares e amigos, em diversas épocas de sua vida. Já a linha do tempo destaca momentos marcantes da carreira do político.

A inauguração contou com a presença da Reitora da UFSCar, Wanda Hoffmann; do Diretor do Sistema Integrado de Bibliotecas (SIBi), Roniberto Morato do Amaral; e da Diretora da Biblioteca Comunitária (BCo), Marisa Cubas Lozano, que enfatizou a importância do evento. “Esta inauguração simboliza a confiança depositada pela professora Anita à BCo, que se enriquece com a chegada deste acervo”, destacou Lozano.

Segundo Amaral, a UFSCar tem papel e responsabilidades relevantes na preservação da história nacional. “Mais do que a preservação, a Universidade tem também o compromisso de possibilitar o acesso ao conhecimento produzido dentro dela. Nesse sentido, essa Biblioteca é comunitária e conta com uma participação muito significativa da população de São Carlos e dos demais municípios da região, além de ter alcance em âmbito mundial, através das plataformas multimídias. Assim, o acervo Prestes está aqui, mas alcançará muitas pessoas de outros lugares”, afirmou o Diretor do SIBi.

Já a Reitora ressaltou a importância do material que a Universidade recebeu e, agora, disponibiliza ao público. “Este é um material muito importante, que revela parte da história do Brasil. Agradeço à professora Anita, que confiou à UFSCar todo esse acervo, que gerará estudos e reflexões capazes de transformar a sociedade. Faremos todo o esforço para preservar este conjunto de preciosidades e reforçamos que a BCo está aberta não só para a comunidade acadêmica, mas também para toda a população de São Carlos e região, para que possa apreciar e refletir sobre a trajetória de Luiz Carlos Prestes”, disse Hoffmann.

Na opinião de Amarilio Ferreira Júnior, docente do Departamento de Educação (DEd) da UFSCar, o acervo auxiliará em futuras pesquisas e descobertas sobre a política do País. “A UFSCar ganha um tesouro correspondente à história do Brasil do século XX. Trata-se de um grande patrimônio político relacionado às memórias de Prestes, um dos personagens históricos mais importantes do País. A aquisição deste acervo tem uma responsabilidade histórica, já que a Universidade passa a ser uma referência para se estudar o Brasil dessa época”, defendeu o professor.

Durante a cerimônia, Anita Prestes revelou que a existência do acervo faz parte de seus esforços e, principalmente, dos de sua tia, Lygia Prestes, em preservar os objetos. “Muitos materiais se perderam devido aos exílios, prisões e perseguições sofridos pelo meu pai. Mas, ainda assim, o cuidado da Tia Lygia preservou muitos itens e nos permite hoje inaugurar essa exposição”, relatou Anita Prestes.

De acordo com ela, a ideia de doar o material para a UFSCar surgiu quando tomou conhecimento de que na BCo já estava o acervo do sociólogo Florestan Fernandes, amigo de Luiz Carlos Prestes. “Resolvi visitar a UFSCar e conhecer as pessoas, o que me inspirou confiança para fazer a doação. Parabenizo a Biblioteca Comunitária, principalmente pela concretização de atividades destinadas à população em geral. Esse trabalho de extensão é fundamental na preservação de arquivos e, no caso do acervo de Prestes, auxiliará para que as novas gerações conheçam uma fase importante da história do Brasil. Reunimos aqui materiais e documentos não só de interesse da comunidade universitária, mas também da juventude e, sobretudo, do povo brasileiro”, afirmou Anita Prestes.

Estiveram presentes na cerimônia de inauguração José Paulo Gomes, Secretário Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida de São Carlos; Cristina de Fátima Perucci, representando Nino Mengatti, Secretário Municipal de Educação; Aline Ulrich, documentalista do Arquivo Público Histórico da Fundação Pró-Memória de São Carlos; Ana Cristina Cruz, Vice-Diretora do Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH) da UFSCar; Marilde Santos, Secretária Geral de Educação a Distância da UFSCar; Amália Cristina Dias da Rocha Bezerra, professora da Faculdade de Educação da Baixada Fluminense da UERJ; e Luiz Antonio Ragon, Vice-Presidente do Instituto Luiz Carlos Prestes.

A mostra “Linha do tempo de Luiz Carlos Prestes… Fragmentos” está disponível para visitação gratuita até 19 de outubro, no saguão da Bco, na área Norte do Campus São Carlos da Universidade, de segunda a sexta-feira, das 8 horas às 22 horas, e aos sábados, das 8 às 14 horas.

Palestras e lançamentos de livros – Além das inaugurações, Anita Prestes proferiu na UFSCar a palestra “Luiz Carlos Prestes, a Constituinte e a Constituição de 1988”, sobre a Constituição, que comemora 30 anos em 2018. A atividade contou com apresentação do professor Marcos Cesar de Oliveira Pinheiro, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), que abordou o tema “A relevância histórica de Luiz Carlos Prestes e seu legado político para as novas gerações”, destacando um conjunto de ideias, condutas e posturas de Prestes relacionadas à política brasileira.

“Com 92 anos de vida, sendo 70 de militância, destacaria três pilares do legado de Prestes: o primeiro é o repúdio às injustiças sociais e a luta para superá-las; o segundo diz respeito ao altruísmo e à solidariedade, já que prezou pelos interesses coletivos em detrimento dos individuais; por fim, destaco sua vontade política voltada às transformações como motivação das ações da vida pública”, elencou Pinheiro.

Na ocasião, também foram realizados os lançamentos dos livros “Luiz Carlos Prestes: um comunista brasileiro” e “Olga Benário Prestes: uma comunista nos arquivos da Gestapo”, os dois de autoria de Anita Prestes. O conjunto dos eventos foi uma promoção do Departamento de Ação Cultural (DeAC) em parceria com o Departamento de Coleções de Obras Raras e Especiais (DeCORE), ambos da BCo, vinculada ao SIBi da UFSCar.

Doação do acervo de Prestes à UFSCar – A exposição “Linha do tempo de Luiz Carlos Prestes… Fragmentos” e a linha do tempo são compostas por parte do material do acervo do político doado para a UFSCar. No último mês de março, chegaram à Universidade mais de 360 pacotes, com livros, documentos, correspondências, fotos, quadros, medalhas e outros objetos pessoais do militar. A intenção da BCo é montar um minimuseu com todas peças e disponibilizar os livros pertencentes a Prestes para consulta. Segundo Izabel da Mota Franco, bibliotecária do DeCORE da BCo, cada obra doada passa por um processo de análise para, em seguida, ser disponibilizada para consulta. “Elas comumente recebem higienização e pequenos reparos. Além disso, as que necessitarem serão encaminhadas para restauro, seguido de catalogação no sistema da Biblioteca. Após finalizarmos esta etapa, com certeza teremos um acervo histórico muito rico para pesquisas”, garante Franco. Detalhes sobre a doação do acervo estão em http://bit.ly/2PLGiHy.

Sobre Anita – Anita Leocádia Prestes nasceu em 1936, na prisão de mulheres de Barnimstrasse, em Berlim, na Alemanha nazista. É filha do militar e político brasileiro, Luiz Carlos Prestes, e de Olga Benário Prestes, alemã. Afastada da mãe aos 14 meses de idade, antes de vir para o Brasil, em outubro de 1945, viveu exilada na França e no México, com a avó paterna, Leocádia Prestes, e a tia, Lygia Prestes. Autora de vários livros sobre a atuação política de Prestes e a história do comunismo no Brasil, é doutora em História Social pela Universidade Federal Fluminense (UFF), professora do Programa de Pós-Graduação em História Comparada da Universidade Federal de Rio de Janeiro (UFRJ) e Presidente do Instituto Luiz Carlos Prestes.

Contatos:
Biblioteca Comunitária (BCo)
(16) 3351-8135
bco@ufscar.br
http://www.bco.ufscar.br

UFSCar
(16) 3351-8111
https://www2.ufscar.br/

Instituto Luiz Carlos Prestes
http://www.ilcp.org.br/prestes/