Em chamas, o Brasil amanheceu, mais uma vez, sob o impacto da tragédia anunciada do Museu Nacional, no Rio de Janeiro

Museu Nacional

O Conselho de Arquitetura e Urbanismo de São Paulo externa seu profundo pesar diante do incêndio que consumiu neste domingo, 02/09, o palacete imperial que abrigava um dos cinco maiores museus de História Natural do mundo: o Museu Nacional da Quinta da Boa Vista, criado por D. João VI, em 6 de junho de 1818.

Perde o país e toda a humanidade é abalada. Sobretudo pelo descaso, perde-se parte significativa da identidade cultural brasileira, feita com base na apropriação e valorização de heranças e representada pelas técnicas construtivas de sua Arquitetura, coleções, pesquisas e patrimônio humano.

Nesse sentido, o CAU/SP lamenta novamente vir a público para repetir, à exaustão, que não basta tombar, é necessário conservar. A precariedade em que se encontram inúmeros equipamentos públicos, patrimoniais e históricos – edifícios, museus, bairros inteiros – torna evidente a falta de compromisso do poder público com a história e a sociedade brasileiras e com o futuro do país.

Instituição autônoma ligada à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), voltada ao ensino e à pesquisa, com acervo de mais de 20 milhões de itens, o Museu Nacional sobrevivia quase sem recursos e, por vezes, da colaboração voluntária de funcionários e pesquisadores. A falta de manutenção e conservação, agravada pelo mais recente corte de verbas para sua manutenção mínima, levaram suas instalações ao colapso, sem proteção contra incêndio adequada e com muitos problemas estruturais.

Assim, o Brasil vive um dos capítulos mais deprimentes de sua existência. Apaga-se o passado e sob o vazio não é possível construir nada. Não há alicerce ou estrutura capazes de sustentar uma nação sem história. E a forma como um país cuida de sua história diz muito sobre o que ele é e, ainda mais, sobre como fatalmente será.

Está entre as atribuições privativas de arquitetos e urbanistas, de acordo com a Resolução nº 51 do CAU/BR, de 12 de julho de 2013, em seu artigo 2º, item IV, a atuação na área de Patrimônio Histórico, Cultural e Artístico. Desta maneira, nossos profissionais estão a postos e preparados para contribuir com sua capacidade no compromisso inadiável da preservação da história do País.

Contato:
CAU/SP
(11) 3014-5900
http://www.causp.gov.br

Museu Nacional
http://www.museunacional.ufrj.br