Alunos do Centro Universitário Belas Artes de São Paulo criam Mobiliário Infantil para Unibes Cultural. A ação é uma iniciativa do curso de Arquitetura e Urbanismo

mobiliário

Neste 1º de julho a Unibes Cultural ganha peças de mobiliário infantil produzidas pelos alunos de Arquitetura e Urbanismo do Centro Universitário Belas Artes de São Paulo. Chamado de “Mobiliário Infantil – Série Literatura”, a iniciativa da Professora Denise Xavier que ministra a disciplina Desenho do Objeto, cria protótipos inspirados no universo da literatura infantil.

Feitos exclusivamente com sistema de encaixe, respeitando as necessidades ergonômicas de crianças entre 4 e 8 anos, os alunos desenvolveram peças para ajudar a melhorar a qualidade de vida dos beneficiários. Ao todo serão seis produtos, entre esconderijo, nicho de leitura, estante, mesa, toca e arquibancada.

O objetivo da Série Literatura é atribuir aos mobiliários um vínculo afetivo tornando ele parte do ambiente onírico das histórias infantis. Os mobiliários destinados à Unibes Cultural tiveram diferentes referências, como os livros “Emiliano” de Jairo Buitrago e Rafael Yockteng e a obra “De Passagem” de Marcelo Cipis.

“Para a Unibes Cultural, que tem como um dos pilares de atuação a Economia Criativa, é um privilégio receber o mobiliário dos alunos do Centro Universitário Belas Artes de São Paulo, ainda mais nesse momento em que iniciamos um mês de programação para as crianças que estão de férias”, comenta Bruno Assami, diretor executivo da Unibes Cultural.

Todos os anos, alunos do oitavo semestre de arquitetura do Centro Universitário produzem as peças que, após finalizadas, são doados para instituições beneficentes de atendimento a infância. Para esta edição, o Centro Cultural foi escolhido por ser um espaço de convivência democrático e que recebe uma vasta programação de arte, cinema, teatro, música, etc.

“A provocação desta atividade, que transcende a sala de aula, visa despertar no estudante o cuidado e a atenção com o próximo. Acredito que o elo mais importante da educação é compreender que o fruto do nosso trabalho é atender as demandas da sociedade. Esses objetos precisam servir de maneira adequada para a criança dentro do ambiente em que está inserido”, afirma a Professora.

Professores responsáveis: Denise Xavier, Liliane Simi Amaral, Andréa Macruz, Jacques Jesion e Luis Octávio Rocha.

Serviço:
Centro Universitário Belas Artes
(11) 5576-7300
http://www.belasartes.br

 

topo