Skip to main content

Assistência técnica gratuita para o projeto

Arquitetos e engenheiros apelam para que a assistência técnica gratuita para projeto, reforma ou construção de moradia popular, já prevista em lei, passe a ser uma Política de Estado, independente de governos

caubr

Seminário de Assistência Técnica em Habitação Social que o CAU/BR e o CONFEA

Arquitetos e engenheiros, unidos, lançaram um chamamento para que a assistência técnica gratuita para o projeto, reforma ou construção de habitações de interesse social, já prevista em legislação de 2008, “seja mais do que uma lei, seja uma Política de Estado, como parte do direito social à moradia previsto na Constituição”, conforme afirmou o presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR), Luciano Guimarães. Leia+Mais→

Arquitetos propõem política habitacional

Entidades da categoria propõem política habitacional com múltiplas soluções e apresentam carta-aberta aos candidatos com 53 propostas, várias sobre moradia social

Rocinha

Contendo ao todo 53 propostas, o Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil e o Instituto de Arquitetos do Brasil lançaram a “Carta Aberta aos Candidatos nas Eleições de 2018 pelo Direito à Cidade”.

“Nossas cidades pedem socorro, o Brasil tem competência técnica para tratar dos problemas urbanos e não faltam planos ou leis para tanto”, afirma o documento. “No entanto, é imperativo implementá-los, o que exige uma assertiva decisão política para colocar em prática uma reforma urbana baseada na função social da cidade prevista na Constituição de 1988 e regulamentada pelo Estatuto da Cidade”. Leia+Mais→

Gestão de resíduos sólidos

Livro, lançado no mês de junho, que aborda experiências da UFSCar na gestão de resíduos sólidos está disponível para download gratuito

Gestão de resíduos sólidos

Experiências e desafios na gestão de resíduos sólidos em cidades de Cuba e do Brasil são assunto de livro lançado no último mês de junho, com a participação de pesquisadores da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). A publicação, intitulada “Resíduos Sólidos Urbanos: aproximação ao tema em cidades de Cuba e Brasil”, contou com a atuação dos departamentos de Gestão de Resíduos (DeGR) e de Apoio à Educação Ambiental (DeAEA) da Secretaria de Gestão Ambiental e Sustentabilidade (SGAS) da UFSCar. Leia+Mais→

Atuação no mercado exterior

CAU/SP quer pequenos e médios escritórios de Arquitetura atuando no mercado exterior

causp

O CAU/SP – Conselho de Arquitetura e Urbanismo de São Paulo está desenvolvendo um projeto de capacitação de pequenos e médios escritórios brasileiros de Arquitetura com foco no mercado internacional. “Podemos fazer muito mais se os nossos profissionais e escritórios estiverem capacitados para competir no exterior”, acredita José Roberto Geraldine Jr., presidente do CAU/SP.

Tocado em parceria com outras entidades do setor (Ministério das Relações Exteriores, Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura, e Apex-Brasil – Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos), o projeto pretende implementar um programa contínuo de orientação para a montagem de estruturas voltadas à exportação, gerando empregos e renda, além de estimular as participações dos escritórios em eventos internacionais do setor e também promover interações e parcerias com programas governamentais em atividade. Leia+Mais→

CAU critica MP do Saneamento Básico

Para entidade, proposta afronta o desenvolvimento saudável de nossas cidades

cau

A reforma do marco legal do saneamento básico proposta pela Medida Provisória 844/18, publicada dia 9 de julho no Diário Oficial, “é uma afronta ao desenvolvimento saudável de nossas cidades por sobrepor o interesse das empresas que operam no setor do saneamento básico ao interesse público”, no entendimento do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil.

Segundo manifesto da entidade, a MP fere a autonomia municipal ao impor aos municípios o chamamento público para demonstração de interesse do setor privado na prestação dos serviços. Hoje eles têm liberdade para decidir entre a operação direta, contratada ou consorciada com vizinhos. Leia+Mais→

Habitas do ITA mobiliza professores e alunos

Futuros engenheiros, alunos de pós-graduação e iniciação científica pesquisam economia ambiental, edificações inteligentes, soluções em água e energia, e materiais e processos construtivos a partir do Projeto Habitas

Habitas
O Projeto Habitas, que tem o objetivo de alavancar a sustentabilidade na construção civil, a partir da reforma e modernização de duas edificações do campus do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), em São José dos Campos (SP) – a Casa Niemeyer e a Casa de Cultura & Sustentabilidade – tem movimentado a comunidade acadêmica do ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica). Leia+Mais→

Habitação de Interesse Social

CAU/SP lança Edital voltado à “Habitação de Interesse Social”

Fachada do edifício Prestes Maia, no centro da capital paulista, considerada uma das maiores ocupações verticais da América Latina.

O prazo para a entrega de propostas de trabalho de “Assistência Técnica para Habitação de Interesse Social (ATHIS)”, para o Edital lançado no mês de junho pelo CAU/SP – Conselho de Arquitetura e Urbanismo de São Paulo, termina no próximo dia 13/07.

A íntegra do documento publicado no Diário Oficial do Estado, com todas as informações e instruções aos interessados em participar do certame, está disponível também no site do Conselho (www.causp.gov.br). Leia+Mais→

O desastre da reforma trabalhista

As ações trabalhistas caíram, em média, 50% no país, desde 11 de novembro de 2017. Não há o que comemorar./ Por Murilo Pinheiro

fne

É apenas o resultado da dificuldade do acesso dos trabalhadores à Justiça, após a reforma trabalhista, introduzida pela Lei 13.467/2017. Outros números denunciam a ineficácia da medida. O desemprego foi de 11,8%, em dezembro do ano passado, para 12,2%, em fevereiro. Em 2015, a taxa era de 8,5%, no mesmo período. A informalidade também cresceu e segue como a tendência no mercado de trabalho, com quase 3 milhões de brasileiros, entre autônomos e informais, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Leia+Mais→

Scroll Up